Please ensure Javascript is enabled for purposes of website accessibility
Plusoft

29/07/2021 | Plusoft

5 iniciativas que ajudam a gerar receita para o negócio

LinkedInFacebookTwitterEmail

Mais do que nunca, vivemos em meio a um mercado competitivo, em que a estabilidade e o alcance atual de bons lucros não necessariamente garantem o sucesso de uma empresa. As mudanças são constantes e é preciso implementar diferenciais que destaquem sua organização entre as concorrentes.

As companhias que não estiverem receptivas ao novo, mantendo modelos de atuação arcaicos, rapidamente ficarão para trás. Por essa razão, é fundamental estar aberto a ideias inovadoras que possam não só gerar receita para o negócio, mas também elevar as suas chances de crescimento e de sucesso.

Pensando nisso, organizamos uma lista com sugestões incríveis que poderão garantir a alavancagem do seu empreendimento. Confira!

1. Adote medidas para elevar o ticket médio dos seus consumidores

A atração de novos clientes é mais trabalhosa do que a manutenção daqueles que já consomem os seus produtos ou serviços. Desse modo, embora os esforços empregados para a conquista de um novo público não devam ser deixados de lado, é altamente recomendável trabalhar a base de consumidores atual, buscando aumentar o quanto eles gastam a cada compra e/ou contratação.

Para alcançar esse objetivo, o segredo é investir na entrega de benefícios aos clientes, estimulando-os a consumirem outras ofertas presentes no portfólio da empresa. Como, por exemplo:

  • definindo preços mais vantajosos para combos quando comparados aos preços cobrados por um produto/serviço entregue individualmente;
  • oferecendo descontos ou fretes gratuitos para negociações que fiquem acima de um determinado valor — desse modo, é natural que o cliente se sinta estimulado a atingir a quantia que dará direito ao abatimento ou à isenção do preço de entrega.

2. Aposte em estratégias de marketing

Embora o marketing venha ganhando cada vez mais espaço no universo corporativo, ainda há muitos negócios que não percebem o seu real valor e os reflexos positivos no empreendimento. Explicando de forma simples: a aplicação de uma estratégia de marketing auxilia na propagação do valor daquilo que a sua empresa oferta no mercado.

É justamente por meio dessas estratégias que o público tem a chance de conhecer não apenas os seus produtos e serviços, mas também o empreendimento como um todo. Por essa razão, não devemos ver a aplicação de recursos para essa área como um custo, mas um investimento para atrair e conquistar os consumidores.

O marketing digital, em especial, é uma ótima alternativa. Você pode, por exemplo, identificar os principais canais em que o seu nicho se encontra, como as redes sociais Facebook e Instagram.

Com isso, é viável pensar no que desperta o interesse da sua audiência e apostar em entregas de valor, que tragam algo de positivo ao seu cotidiano e que, em consequência, elevam as chances de fechar mais negócios — uma boa ideia é criar materiais ricos solucionando dúvidas comuns, como e-books.

3. Invista no treinamento da sua equipe de trabalho

Certamente, você já ouviu dizer que os colaboradores de uma empresa representam as “engrenagens” que mantêm tudo em perfeito funcionamento — ou algo bastante parecido.

No entanto, já pensou que essa afirmação, usualmente ouvida no universo corporativo, está diretamente relacionada com a importância de manter uma equipe de alta performance, composta por profissionais engajados e capacitados? Para chegar nesse objetivo, porém, é preciso investir em treinamentos

Há também outro ponto fundamental a ser considerado para que esse investimento, de fato, valha a pena: o alinhamento entre o que é oferecido pelo programa de qualificação e as necessidades do negócio.

Antes de dar o primeiro passo, estude os gargalos da sua companhia e identifique os pontos que precisam ser mais bem trabalhados. Dessa forma, você direcionará melhor os seus esforços da educação corporativa e, consequentemente, terá resultados satisfatórios.

4. Disponha ferramentas tecnológicas que trabalhem a seu favor

É quase impossível, nos dias de hoje, apostar em soluções tecnológicas e inovadoras. Por essa razão,apostar no uso de softwares nunca pode ser visto como um gasto para a empresa — inclusive, esse investimento acaba retornando para o caixa, seja por um melhor aproveitamento do tempo dos colaboradores, que não precisam se dedicar tanto a tarefas manuais, como pelas possibilidades de melhorias que o uso de plataformas geralmente proporciona.

Comece com uma avaliação das atividades cotidianas que ainda são desempenhadas manualmente, mas poderiam ser automatizadas, evitando a execução de tarefas repetitivas. Após, busque soluções inteligentes que contribuam, tanto de forma direta quanto indireta, para gerar receita ao negócio.

5. Otimize a experiência dos seus clientes

Também chamada de Customer Experience, a experiência do seu consumidor é um fator determinante para o sucesso da sua empresa. Essa afirmação se tornou ainda mais verdadeira nos últimos tempos, já que o público, cada vez mais, busca uma vivência personalizada e mais acertada ao consumir e/ou contratar produtos e serviços de uma companhia.

Por essa razão, a fim de garantir a satisfação do cliente de ponta a ponta — desde o primeiro contato com o empreendimento até o período após o fechamento do negócio —, há algumas ações que devem ser adotadas, como:

  • faça do seu planejamento o seu guia;
  • tenha o seu quadro de pessoal como aliado nesse propósito;
  • vá além e satisfaça as expectativas do seu público emocionalmente (e não apenas racionalmente), entre outras.

Apostar em ideias inovadoras é a melhor solução, como visto, para se destacar entre as empresas concorrentes. Para tanto, porém, é recomendável investir em recursos tecnológicos que não somente gerarão vantagens competitivas no mercado, mas também tornarão a empresa mais automatizada, permitindo que a força de trabalho esteja voltada ao produto ou serviço central da empresa, promovendo melhores resultados.

Entretanto, há que destacar a importância de mensurar os benefícios que as práticas adotadas entregam. Afinal, de nada adianta implementar as sugestões trazidas neste material, mas não conferir se, de fato, a receita aumentou. Por isso, não deixe de fazer uso das principais métricas — como o ROI (Retorno sobre o Investimento), o LTV (lifetime value) e o ticket médio.

Como você viu, a competitividade no universo corporativo está cada vez maior. Por essa razão, é fundamental buscar mais destaque no seu nicho de atuação, abraçando o novo e enfrentando o medo de correr riscos. Apenas assim, será possível não apenas se manter em operação, mas também gerar receita para o negócio e ser mais bem-sucedido no que faz.

Este conteúdo foi útil? Confira outras matérias do nosso blog e continue aprendendo como melhorar a experiência de seus clientes e, assim, aumentar as oportunidades para o seu negócio.


pt_BR